Eduardo janot pacheco

Eduardo janot pacheco

Presidente

 eduardo.janot@iag.usp.br
Tem Graduação em Engenharia Elétrica (1967)e Engenharia Nuclear (1968) pela UFMG/CNEN mestrado em Astronomia pelo ITA/CTA (1974) e doutorado em Astrophysique et Techniques Spatiales – Universite Paris VII/Universite Denis Diderot (1987). Fez numerosos estágios nos observatórios astrofísicos franceses (1990-2020, Poste Rouge do CNRS em 2000), responsável por vários auxílios do CNPq, CAPES, FAPESP e CNRS; é o Pesquisador Responsável de projeto temático da FAPESP em vigência. Tem experiência na área de Astronomia e ciências espaciais, com ênfase em astrofísica estelar, estrelas Be, astrossismologia, binarias de raios x, altas energias, astrobiologia e exoplanetas. e é membro do satélite PLATO Management Committee e preside o Comitê PLATO Brazil. Membro da Comissão de Negociação do MCTI com a European Organisation for Astronomical Research in the Southern Hemisphere (ESO), para a adesão do Brasil à organização (2009-2013): Foi presidente da Sociedade Astronomica Brasileira de 2008 a 2012. É presidente da Associação Brasileira de Astrobiologia desde 2017, professor Senior do IAG-USP desde 03/13/2015 e pesquisador ID.
GUSTAVO F. PORTO DE MELLO

GUSTAVO F. PORTO DE MELLO

Secretário de Ensino

gustavo@astro.ufrj.br

Astrônomo (UFRJ, 1986) e Doutor em Astrofísica (Observatório Nacional, 1996), professor de astronomia do Observatório do Valongo da UFRJ desde 1993.  Membro das comissões F2 (Exoplanets and the Solar System), F3 (Astrobiology) e G3 (Stellar Evolution) da União Astronômica Internacional. Sócio fundador da Associação Brasileira de Astrobiologia. Em 1997 descobriu a primeira gêmea solar confirmada – a estrela mais semelhante ao Sol até então identificada. Em 2010, foi co-autor de trabalho propondo a estrela Kappa Ceti como uma análoga do Sol quando o Sistema Solar tinha menos de um bilhão de anos de idade, época em que a vida estava surgindo na Terra e Marte estava perdendo seus oceanos. Publicou 49 trabalhos de pesquisa em periódicos internacionais arbitrados com mais de 4.950 citações, com foco em propriedades físicas estelares, composição química estelar, evolução química da Galáxia, nucleossíntese, estrelas gêmeas do Sol, atividade cromosférica estelar, exoplanetas, astrobiologia e habitabilidade planetária. Possui intensa atividade de divulgação científica desde 1987, com palestras, entrevistas, mesas redondas e consultorias.

Dr. Dimas A. M. Zaia

Dr. Dimas A. M. Zaia

Vice-Presidente

damzaia@uel.br
]Licenciado em Química pela Universidade Estadual de Maringá (1980), bacharelado em Física pela Universidade Estadual de Londrina (1990), mestrado em Química (Química Analítica) [Sp-Capital] pela Universidade de São Paulo (1985) e doutorado em Química (Química Analítica) [Sp-Capital] pela Universidade de São Paulo (1996). No período de 1992-1994 foi bolsista de doutorado sanduíche na Rockefeller University (Orientador: Robert Bruce Merrifield). Atualmente é professor ass-C do Departamento de Química da Universidade Estadual de Londrina. Faz parte do corpo editorial da revista Life. Atualmente é vice-presidente da Sociedade Brasileira de Astrobiologia. Tem experiência na área de Astrobiologia trabalhando com Química Prebiótica, com ênfase em Interfaces, atuando principalmente nos seguintes temas: origem da vida, química prebiótica, adsorção de biomoléculas sobre minerais, interação biomoléculas/minerais. Também desenvolve um estudo para melhor compreender os problemas relacionados a aceitação da teoria evolutiva assim como a origem da vida por alunos de graduação.
Douglas galante

Douglas galante

Secretário de Divulgação

douglas.galante@lnls.br

Bacharel pelo Curso de Ciências Moleculares da Universidade de São Paulo (2003), doutor em Astronomia pelo Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas (IAG-USP) em 2009 e pós-doutor pelo mesmo instituto (2012). Atualmente é pesquisador do Laboratório Nacional de Luz Síncrotron (LNLS/CNPEM), liderando o grupo Carnaúba, da nova linha de nanofoco do Sirius. Trabalha na área de Astrobiologia e Ciências Planetárias. É também pesquisador associado do Núcleo de Pesquisa em Astrobiologia, NAP-Astrobio (IAG/USP) e tem experiência no estudo dos efeitos da radiação sobre sistemas químicos e biológicos, da micro à macro escala. Utiliza ferramentas teóricas, experimentais e de trabalho em campo para o estudo da interação da vida com seu ambiente, de maneira a extrapolar para outros planetas a informação da vida atual em regiões extremas da Terra, e da vida pretérita, do registro fóssil. Trabalha também com o fenômeno da origem da vida, sua adaptação às superfícies planetárias e a habitabilidade do Sistema Solar, inclusive utilizando plataformas espaciais.

Enio Frota da Silveira

Enio Frota da Silveira

Secretário Geral

enio@vdg.fis.puc-rio.br

Possui graduação em Licenciatura em Física pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1966), graduação em Bacharelado Em Física pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1966), mestrado em Física pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1969) e doutorado em Doctorat d´ État ès Sciences – Université Paris Sud (1977). Atualmente é Professor Titular da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro e suas pesquisas estão na área de Física de Superfícies (Física da Matéria Condensada), com ênfase em dessorção iônica produzida por colisão íon-superfície, elétron-superfície e por interação fóton-matéria (laser UV ou luz síncrotron). Atua em Espectrometria de Massa por Tempo-de-Vôo (TOF) com aceleradores de íons (MeV) e 252Cf-PDMS. Presentemente se interessa por propriedades de clusters iônicos (haletos alcalinos e gases condensados) e por modificações de gelos astrofísicos induzidas e de moléculas prebióticas por radiações ionizantes (elétrons de keV e íons de keV-MeV ; análise feita por espectroscopia no infravermelho FTIR. Foi membro do CA do CNPq no triênio 2006-2008.  

AMAURY AUGUSTO DE ALMEIDA

AMAURY AUGUSTO DE ALMEIDA

Tesoureiro

 amaury.almeida@iag.usp.br

 

É astrônomo brasileiro e professor da Universidade de São Paulo. São Paulo (USP) onde foi Chefe do Departamento de Astronomia (2016-2018 e 2018-2020), com experiência em ciência cometária e astroquímica. Suas maiores contribuições incluem estudos de produção de gás e poeira em cometas e teóricos determinação de dados moleculares básicos para radicais simples e íons de astrofísica importância. O asteroide “15330 de Almeida (1993 TO)” foi batizado em sua homenagem pelo União Astronômica Internacional (IAU). É Bacharel em Física pela USP (1972), Licenciado em Física pela USP (1973), Doutor em Astronomia pela USP (1988), Pós-doutorado
bolsista em Ciências Espaciais pela SWRi (San Antonio, EUA, 1993) e Livre-Docente em Astrofísica pela USP (2007). É líder do grupo de Astrofísica do Sistema Solar do CNPq.

Cristine Elizabeth Alvarenga Carneiro

Cristine Elizabeth Alvarenga Carneiro

Secretária

cristine.carneiro@ufob.edu.br

 

Graduada em Química, Bacharelado e Licenciatura pela Universidade Federal de Goiás (1999), mestrado em Agronomia pela Universidade Estadual de Londrina (2003), doutorado em Agronomia pela Universidade Estadual de Londrina (2008) e doutorado em Química, na área de Físico-química (2012). Tem experiência em Química com ênfase em Físico-química e Ciência do Solo, atuando principalmente nos seguintes temas: síntese de materiais, adsorção e reações em superfície sólida, equilíbrio químico do solo, mineralogia do solo, fertilidade do solo. Fez dois pós-doutoramentos, o primeiro em Química Prebiótica (2012) e o segundo em Bioenergia trabalhando com Biocombustíveis (2015) na Universidade Estadual de Londrina. Desenvolve pesquisa em Química Prebiótica, Química e Fertilidade de Solos e Desenvolvimento de novos materiais. Na área de inovação desenvolve trabalhos voltados para Propriedade Intelectual e Transferência de Tecnologia. Foi gestora da Incubadora Tecnológica de Empresas “Quitandeiros” de 2018 a 2019. Atualmente é docente Adjunto da Universidade Federal do Oeste da Bahia e Gestora do Ecossistema Local de Inovação, gerenciando as incubadoras tecnológica e social e o laboratório de prototipagem rápida. Docente no curso de Especialização em Gestão da Inovação Tecnológica e Social (PÒSGITS) e no programa de mestrado de Propriedade Intelectual e Transferência de Tecnologia para a Inovação (PROFNIT).